sexta-feira, 27 de maio de 2011

Tantas dúvidas e incertezas...

Eu não sei exatamente de onde eu vim ou para onde vou. Não sei o que vai acontecer amanhã, nem o que eu vou ser no futuro.
Mas hoje, sinceramente, não me importo com isso. E já estou cansada de tanto ouvir as pessoas me cobrando coisas que eu não sei. Esse não é o momento de ter certezas e fazer tudo certo, na verdade, essa é a única fase que nós temos tempo para perder, que podemos cometer erros, começar e recomeçar para que algum dia possamos ter certeza do que somos e do que queremos.
Confesso que não tenho certeza de quase nada e que queria ser adolescente para sempre, apesar de tantas coisas, eu gosto muito dessa fase.
 Pensar no futuro me dá um certo medo, mas também sei que sou forte o suficiente para enfrentar tudo de cabeça erguida, para não desistir mesmo diante dos obstáculos.
Como será o futuro? Ou o que eu vou ser? Ainda não sei. Mas eu sei que quero ser o tipo de pessoa que não se abala com as dificuldades, alguém solidário, alguém capaz de mudar o mundo. Sei que daqui para lá eu vou mudar mas que não vou ser perfeita, sei que vou cometer erros e que vou levantar e recomeçar sempre que for preciso.
Mas hoje, eu sei o que eu quero, e eu quero simplesmente ter muitos motivos para sorrir, eu quero me apaixonar, quero ter amigos, sair e me divertir, viver aventuras, arriscar, eu quero simplesmente curtir a vida. E assim eu sei que vou descobrir quem eu sou, o que eu quero ser e o que vou fazer, e já não vou ter mais dúvidas, vou ter certeza.

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Mãe...



Sempre ouvi as pessoas dizendo: Mãe é tudo igual.
Mas, na verdade, as mães são todas diferentes. Cada uma tem o seu próprio jeito e com certeza não são perfeitas. Elas tem milhões de qualidades mas também defeitos.
Não pense que quando elas brigam com a gente ou nos proibem de fazer algo, é porque não nos amam, na verdade, elas só fazem isso porque nos amam e muito. Fazem isso para nos proteger, porque não querem nos perder.
Sua mãe pode até não conseguir ser o tempo todo uma mãe perfeita e nem a melhor mãe do mundo, mas antes de você desejar que ela fosse diferente, lembre-se de tudo que ela fez por você desce o momento que soube que estava grávida. Nos enjoos que ela teve que aguentar durante a gravidez, nas noites que ela passou acordada para cuidar de você enquanto você chorava, nas mil vezes que ela deixou de sair para algum lugar por sua causa, em todas as vezes que ela colocou seus interesses na frente dos dela, das vezes que ela enfrentou o mundo para proteger você, e tantos outros sacrifícios que ela fez por amor.
Então, hoje e todos os dias abrace sua mãe e diga Eu Amo Você. Tenho certeza que ela ficará muito feliz, porque para ela ganhar um abraço seu e ouvir essa simples frase é o melhor presente do mundo.