quinta-feira, 9 de julho de 2015

Tempo, tempo, tempo...





“Havia tantas coisas que eu queria fazer, que eu gostaria de falar, tantos sonhos para realizar, tantos desafios para superar... Se eu apenas tivesse tido mais tempo, eu faria tudo que deixei inacabado.”
Não temos o amanhã garantido e muito menos o para sempre... Mas nós temos o agora. E o agora é o momento que realmente importa, é nele que podemos agir, pensar, falar, sonhar, superar. É nele que podemos viver. Porque a vida é feita de momentos e este instante sempre pode ser o último.
É isso que torna a vida um desafio que vale a pena enfrentar: a sua imprevisibilidade. A falta de certeza do que será o próximo instante é o que torna a vida sempre um mar de possibilidades. Nada está garantido ou determinado e isso permite que cada um seja o autor da sua própria história.
A vida torna-se valiosa justamente por não ser eterna. Podemos não ter todo o tempo do mundo, mas temos tempo suficiente para viver.



Comente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário