sábado, 15 de dezembro de 2012

O amor é assim




O amor é assim: às vezes nos rir outras vezes nos faz chorar. E quando o amor machuca, machuca pra valer, faz a gente nunca mais querer amar. E quando nos faz feliz, é com certeza a maior felicidade que a gente pode viver.
O amor às vezes é passageiro outras vezes dura a vida toda. Passa tão rápido que a gente nem sente ou dura tanto que a gente nem consegue entender como é possível.
O amor é surpreendente. Acontece meio de repente, você conhece alguém e do nada essa pessoa passa a fazer parte da sua vida de um jeito que você nem sabe explicar ou você conhece alguém há tanto tempo e quando menos espera acaba se apaixonando.

O amor é meio estranho, louco, incompreensível... Mas o que seria do mundo, o que seria das pessoas se ele não existisse?

Nenhum comentário:

Postar um comentário